Quais são os medicamentos e hormonas envolvidos na fertilização in vitro (FIV)/ injecção intracitosplasmática (ICSI)?

FERTILIZAÇÃO IN VITRO

A FIV/ICSI é um processo complexo, envolvendo a administração de vários medicamentos em diferentes fases do tratamento e diversas técnicas laboratoriais. Saiba mais sobre os tratamentos de que pode precisar ao longo da sua jornada de tratamento.

Quando é que os medicamentos para o tratamento da infertilidade poderão ser necessários?

A maioria dos medicamentos para o tratamento da infertilidade utilizados antes e durante a FIV/ICSI mimetizam os processos fisiológicos que levariam à ocorrência de uma gravidez de forma natural. Existem três fases em que são necessárias estas terapêuticas:

  • Down regulation (controlar o ciclo menstrual; controlar os níveis hormonais para evitar uma ovulação precoce/inesperada)
  • Estimulação ovárica
  • Suporte da fase lútea (após a ovulação)

O médico irá escolher o medicamento de fertilidade adequado para cada fase, desenhando um protocolo de tratamento individualizado. Esta decisão será baseada em muitos fatores, por exemplo se tem outras condições clínicas ou se não é a primeira vez que faz o tratamento.

Saiba mais sobre os passos necessários num processo de FIV/ICSI

Down-regulation

O processo de down-regulation é necessário para controlar o ciclo hormonal (a fim de evitar uma ovulação precoce/inesperada). Para tal, podem ser utilizadas hormonas agonistas ou antagonistas. A dose e o tempo durante o qual tem de tomar estas hormonas pode variar de acordo com o protocolo utilizado,1 mas o seu médico irá dizer-lhe qual é o tratamento indicado para a sua situação.

As injeções continuarão até à injeção de indução de ovulação com gonadotropina coriónica humana (hCG).1

O momento exato em que as injeções são administradas ao longo do ciclo de tratamento será decidido pelo médico, o que pode variar dependendo da pessoa

Estimulação ovárica

Este processo é necessário para estimular o desenvolvimento e maturação de folículos, utilizando hormonas chamadas gonadotropinas:

  • Para estimular a ovulação, a hormona folículo-estimulante (FSH) é administrada diariamente durante cerca de 8 a 14 dias
  • Após o amadurecimento dos folículos e óvulos, é dada uma injeção de hCG para estimular os folículos a libertar os óvulos2
  • Após a administração da injeção de hCG, todas as injeções são interrompidas e os óvulos serão colhidos 36 a 38 horas depois2
  • Algumas mulheres também poderão ter de levar injeções de hormona luteinizante (LH).2 Estas podem ser administradas juntamente com as injeções de FSH2

Suporte da fase lútea

Após a ovulação, este processo prepara o revestimento do útero para a implantação de um embrião, utilizando uma hormona chamada progesterona.3 A progesterona pode ser administrada como cápsula oral, cápsula vaginal ou gel vaginal.

Como injetar a medicação hormonal? 

O enfermeiro do centro de fertilidade irá mostrar-lhe como e onde injetar, e pode fornecer-lhe instruções passo a passo para levar para casa.

Existem dois tipos de injeção utilizados no processo de estimulação ovárica: subcutânea e intramuscular.

  • Subcutânea — são normalmente mais comuns neste processo e são injetadas num sítio onde consiga beliscar uma área com gordura, geralmente na zona da barriga ou na coxa
  • Intramuscular — são normalmente injetadas na parte superior da nádega, no lado de fora. Muitas vezes é mais fácil autoinjetar-se no músculo da coxa

A injeção pode ser mais confortável se escolher um local diferente em cada dia.

Dispositivos de injeção

As injeções podem ser dadas com vários dispositivos, incluindo:
 
  • Uma caneta pré-cheia
  • Uma seringa pré-cheia
  • Um frasco separado contendo um pó liofilizado e uma ampola contendo uma solução que deve misturar e preparar (reconstituir), antes de se injetar com uma seringa

O dispositivo de injeção dependerá do medicamento de fertilidade específico indicado.

What are the drugs and hormones

E a seguir?

Colheita de esperma e óvulos

Descubra o que acontece antes, durante e após estes procedimentos

Ler mais
Fertilização in vitro (FIV)

Descubra o processo de FIV em maior detalhe

Ler mais
Referências
Está a sair do nosso site.
Esta ligação conduz a um site onde a nossa Política de Privacidade e Termos de Utilização poderão não ser aplicáveis.

A Merck não tem controlo sobre os conteúdos e políticas de sites de terceiros ou os seus recursos, e não aceita qualquer responsabilidade pelos mesmos, nem por qualquer perda ou danos que possam derivar da sua utilização.

Por favor, verifique a Política de Privacidade e Termos de Utilização do site de ligação.